Chá da tarde com vovó Carol

Bem…aqui estamos, ainda nos EUA! Nosso plano inicial era para já estar no Japão no final de setembro…que já veio e foi. Começamos a pensar em outubro…mas já estamos entrando na segunda semana do mês, e já estamos descartando esta possibilidade. Por um lado, é difícil não saber o que está acontecendo e não poder planejar nossa ida e sentir que estamos em uma fase de transição sem fim.

 

 

Com minhas cunhadas Suzy e Amanda

Por outro lado, estamos aprendendo uma grande lição…aprendendo a esperar, descansar e CONFIAR que o tempo de Deus é melhor.

É impressionante o quanto tudo isso tem causado em nós. Por isso cremos que o mais importante de tudo é que Deus está trabalhando em nossos corações e edificando relacionamentos em nossa família. É bom…e é difícil!

Com meus irmãos Aaron e Scott, e meu pai.
Israel cuidando da vovó Nita. Ele é um ótimo companheiro.

Também compreendemos que subestimamos o tempo que seria necessário para descansar, nos estabilizar e reorganizar além de cuidar de todas as coisas necessárias para uma viagem tão grande para uma família…tão grande. Mas graças a Deus, Ele sabia do que precisávamos e não tem pressa. Assim, Ele nos preparou mais tempo para isso.

E o que fazemos enquanto “esperamos”? Além do “normal” que acontece em nosso dia-a-dia, de administrar a casa, reorganizar nosso homeschool e começar um novo ano escolar, temos feito bastante trabalho com documentações, aplicações para uma agência missionária, construído relacionamentos e parcerias, cartas, planejamentos, ministério no Brasil, livros…e investindo tempo com família! Isso tem sido muito importante para nós e para ensinar a nossos filhos que família é importante.

 

Tia Kathy e Sue e avó Nita, idade: 91
Israel e tataravó Nita
Nossos seis com tataravó Nita
Dia especial com vovó Nita

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *